Ipatinga apresenta em Regional de Saúde o fluxo de atendimento a pacientes oncológicos não residentes

Receber o diagnóstico de um câncer não é nada fácil. E, pensando na urgência necessária para o início das consultas e tratamento, os servidores da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Ipatinga que trabalham no Departamento de Regulação (DER) apresentaram a centenas de profissionais da Regional de Saúde de Teófilo Otoni, ligados à macrorregião de Saúde Nordeste, o fluxo de atendimento adotado para a assistência a pacientes oncológicos não residentes no município.

A explanação foi realizada dentro do Seminário da Rede de Oncologia da Região Ampliada Saúde Nordeste, na última semana, na sede do SAMU Regional, em Teófilo Otoni.

Participante do evento, o diretor do DER, Rui Pereira, explicou que a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES/MG) pactuou com o município de Ipatinga o atendimento de pacientes da Região Nordeste do estado em alguns tipos de tratamentos oncológicos no hospital referência na região.

“No encontro tivemos a oportunidade de compartilhar por quais etapas os acompanhantes e pacientes precisam passar para garantir as consultas e o tratamento oncológico necessário pelo SUS. Através do compartilhamento deste conhecimento e da comunicação, o município tem conseguido dar mais celeridade aos tratamentos, sem perder a humanização nos atendimentos”.

Participaram do encontro representantes das Secretarias Municipais de Saúde das regiões de Almenara, Itaobim, Pedra Azul, Araçuaí, Padre Paraíso, Águas Formosas, Nanuque, Teófilo Otoni, Malacacheta e Itambacuri.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here