Aids passou a ser uma doença dos pobres na América, diz Elton John

Foto: Reprodução

Elton John refletiu sobre os preconceitos em torno da aids em carta publicada no jornal britânico The Independent na segunda-feira, 3. As informações são da agência Reuters.

De acordo com Elton, o HIV passou a predominar em pobres, sobretudo da América do Sul e do Caribe, e acredita que essas pessoas estão sendo esquecidas. “Isso é uma desgraça”, disparou. Ele recorda, ainda, que o vírus começou a se espalhar infectando jovens gays de Nova York, Los Angeles e San Francisco.

A visão do cantor se justifica pelos números: a Organização Pan-americana da Saúde (Opas) alerta que 500 mil pessoas portam o vírus HIV na América Latina e Caribe.

“Todos deveriam entender os riscos, e os que necessitam [de apoio] deveriam ter a chance de uma ajuda digna”, escreveu John na carta, co-assinada pelo dono do The Independent, Evgeny Lebedev.

O músico é fundador da Elton John AIDS Foundation, criada nos anos 1990 nos Estados Unidos e no Reino Unido para apoiar programas de prevenção ao HIV e ajudar soropositivos a lidarem com a doença.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here